sábado, 28 de setembro de 2013

BRUMAS DE UM AMOR



BRUMAS DE UM AMOR

POR BTSE



Meus olhos ávidos por te querer,

Perdem-se por infinitos minutos

Em teu corpo.



Minhas mãos de ti desejosas,

Traçam em suaves toques

A curvilínea de seu corpo.



Que me fez crer que este momento

Deliciosamente vivenciado,

Não é um sonho.



E, sim um presságio do que vivenciarei,

Quando minhas mãos,

Os meus olhos,

Os meus lábios,

O meu corpo

E a minha alma se entregarem

Infinitamente a você.



Nesse momento as horas,

Os segundos não existirão.



Não haverá dia,

Ou noite.



Só existirá a explosão

Do nosso amor.

sábado, 21 de setembro de 2013

NAS ENTRELINHAS DE TUA LUZ





NAS ENTRELINHAS DE TUA LUZ.
POR BTSE

Na obscuridade de minha alma
Que se encontrava perdida
Em uma galáxia
Que não imaginava ter fim.

Uma luminosidade surgiu...

Eu uma astronauta perdida,
Encontrei a luz...

Em frações de minuto percorri anos luz
Até que percebi entrar em uma constelação
Tão linda.

Tu a estrela sorriso me acolheste,
De uma forma tão sutil,
Que no primeiro gesto
Iluminou a minha alma.

De astronauta outrora perdida,
Ora cativa de tua luz.

Por tua luminosidade maravilhada,
Guardiã de seus encantos,
Quando me deste a imagem de ti refletida.

Vivenciando o tempo de espera
Acalentada nas entrelinhas de tua luz,
Até que eu possa em um sim luminoso,
No teu corpo pousar.
 


Massa é você estar a quilômetros de distância e saber que a pessoa contempla o mesmo céu, as estrelas e a lua que você!!! 

De Escritora 
Para Estrelinha saltitante